Love

Lockdown parte 2

Este mês estive ausente destas bandas.

A verdade é que, desde o início de Novembro, e com a imposição de um novo lockdown pelo Reino Unido, não tive muito tempo livre, por estranho que possa parecer.

Ao contrário do que aconteceu na primeira sessão de confinamento, desta vez, tive companhia.

Com o marido em casa por tempo indeterminado e sem possibilidades de sair ao fim de semana metemos mãos à obra – literalmente – e começámos a remodelar a nossa casa.

Fez por estes dias um ano que a visitámos pela primeira vez.

Lembro-me de odiar as alcatifas azuis dos quartos e o papel de parede. De achar que as casas de banho pareciam saídas da guerra com a pintura estalada como estava.

Não foi um amor à primeira vista mas era o sítio que queríamos – e um apartamento com 2 varandas nestas bandas é algo raro.

Avançámos com a compra, que só foi concluída no início do ano, a fazer planos de como a iríamos mudar. Torná-la nossa.

Ora 2020, claramente, teve outros planos e não foi só o Covid a trocar-nos as voltas.

A ideia de nos mudarmos apenas quando tudo estivesse ao nosso gosto rapidamente foi anulada e o primeiro confinamento, que durou três meses, e que levou a maioria das pessoas por aqui a fazer remodelações em casa, foi passado sozinha a olhar para as paredes que não gostava!

Olhando agora para elas já pintadas de fresco, e com a casa a tomar o rumo que desejamos, acredito mesmo que tudo acontece no tempo que tem de acontecer.

Prometo mostrar o antes e depois da nossa “obra” quando estiver totalmente concluída!

Por agora, fica um cheirinho da nova parede mais adorada cá de casa 🙂

A todos, um Bom Domingo em casa!

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.