Resenhas

New year, Same you

E já estamos em 2019.

Há seis dias, mais precisamente. Acabou mais um ano (dos melhores da minha vida, para ser sincera) e começou um novo, cheio de novas oportunidades e promessas.

É curioso este estado de espirito, que se tem com a entrada de um novo ano. Como se, ao som das doze badaladas, qual Cinderela, houvesse alguma magia que tornasse tudo possível, só por se começar um ano diferente. Pois, não acontece. E, não me interpretem mal, nada muda além do ano no calendário.

Atenção, antes de acharem que sou uma pessoa cínica, eu adoro festejar a entrada do novo ano e,faço questão, de celebrar em grande, sempre que posso. Só acho que, no geral, toda a gente se esquece que para haver mudanças no novo ano, são as pessoas que têm de mudar primeiro. Não há milagres e, ao toque das doze badaladas, a vida continua exatamente a mesma do ano anterior. Nós continuamos os mesmo.

Querem viajar mais, sair mais, conhecer novas pessoas ou mudar de trabalho? Façam-no. Pretendem deixar de fumar, começar no ginásio e ter uma alimentação mais saudável? Força. Mas não o façam por ser o ano novo porque, se não, lá para Fevereiro, já se esqueceram disso tudo e, novamente, nada mudou.

Façam-no por vocês.

Usem as resoluções para a vida e não só para o ano que entra. Só assim se consegue não se desistir delas.

Bom 2019 a todos =)

Deixar uma resposta